sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

A trajetória de um Guerreiro, A380, um senhor Thamco Aguia

Assim como fiz a respeito de um caio alpha, que passou por varias empresas do grupo Rodap, aproveitando o ensejo do trigésimo aniversário da criação do sistema probus, que regeu o transporte coletivo em BH e região metropolitana na década de 1980 até meados da de 1990, resolvi compartilhar com vocês a história de um dos melhores carros em que já andei na Vida, o A380 era um Thamco águia 1988 muito bom que chegou inicialmente pra rodar no 1205. não estou certo quanto ao prefixo, mas afirmo com certeza a história desse carro.

Inicialmente ele ficou na linha, mas logo chegaram uma das melhores compras da Expresso Luziense, os Torino LN MBB OF1115, ano 1990, vale lembrar que a linha 1205 era a mais bem dotada de veículos da empresa, e possuía em suma carros novos, com a chegada dos LNs, esse nobre carro ainda com as janelas pretas foi remanejado para a linha 2240B, que em 1992 virou 2240A com o plano da Transmetro de desafogar a Avenida Dom Pedro I, a 2240A virou 5528 e a linha 2240B passou a ser A, juntamente com a criação da 5528, surgiram a 5526, 5527 e 5530, e com a chegada do DER MG, este passou a ter o prefixo A380. A nomenclatura na lateral só foi utilizada por algumas semanas, depois ficou apenas São benedito Belo Horizonte.


Em 1998, houve um grande necessidade de renovação, e com isso chegaram muitos carros novos, e outros oriundos do Rio de Janeiro, com isso, a prefeitura de Santa Luzia exigiu a extinção dos Amélias nas linhas municipais, algumas ainda eram gerenciadas pelo DER MG, e ela decidiu criar novas, uma delas foi a 113, São José Barreiro do Amaral, e todos os amélias foram retirados de circulação, os thamcos A378, A380, A424 e A476 foram remanejados com os prefixos 6520 a 6524, sendo o ultimo o A380, que virou 6524 e ficou até 2001 na linha, quando saiu de circulação.


Recentemente soube que uma remessa de thamcos que incluía todos os citados acima, foi vendida para Marabá PA, e que muitos ainda estão em circulação, só ficaram o A377 e o 6245, que rodava no 2234 A Jaqueline, e até um ano atras eram veiculo de treinamento na Expresso Santa Luzia.


4 comentários:

  1. Tenho uma vaga lembrança deste carro na 2240, por causa das janelas pretas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. até ele acertar a traseira do 2802 em 1992 ele tinha as janelas pretas como no 1205, era padrão dos thamco, mas as empresas tiravam logo, pois na hora de pintar o preto manchava, alias não só dos thamco, comil, caio, ciferal e busscar seguiam o mesmo padrão.

      Excluir
  2. Cara não sabia que os Águias haviam substituido os Amélias em Santa Luzia, de fato os Thamcos da 2240 tinham mesmo um destaque, eram todos que tinham o vigia trazeiro com a lateral preta contornando ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. menos o A378, cumprido, os demais tinham A372 A377 e A380, embora no desenho ali teja escrito OF1114, todos eram OF 1115 e só o A380 era de vigia liso, o restante estriado, com as faixas verticais, mas, com a borda preta combinando.

      Excluir