domingo, 13 de março de 2011

Serie 04

Essas linhas foram em sua época bem famosas, a 0401 só tenho a informação de que ela se tornou SA04, a 0402 ainda existe, mas foi prorrogada até a Cidade Industrial. Sei também que a 0402 era dividida entre Laguna e Trnasimão, esse Caio Gabriela foi desenhado com base no Comentário do Rafael Delazari no Adbus. O 0401 foi aleatorio por que não consegui nenhuma informação de que empresa fez essa linha e não posso confirmar se a Carneirinhos que era dona da SA04 possuia a 0401.

Cf; http://adbuscoletivos.blogspot.com/2011/01/urbano-laguna-auto-onibus-l-0402-nr.html




alterada em 27/03/2011

11 comentários:

  1. A Carneirinhos era dona da 0401, tinha um Caio Gabriela (não me lmebro se o prefixo era 2562 ou 2564)que depois foi substituído por Caio Amélia (não me recordo do prefixo antes de virar SA04, mas o mesmo Caio Amélia), enfim tudo era refugo do 4501.

    Teve um período de mais ou menos 3 meses que o Caio Amélia 2859 do 4701 ficou enxertado no 0401, quando o 4701 era da Carneirinhos.

    ResponderExcluir
  2. O 0401 era apenas California - Praça São Vicente pois fazia o que a 4501 em virtude do acidente do 1128 da Transnazaré onde morreu 67 pessoas deixou de fazer depois que foi proibida de circular no Anel Rodoviário,a 4501 começou a descer a Ivaí ao invés de pegar o Anel e a 0401 fazia esse percurso antigo do 4501 até o final do 4701A.

    Só quando virou SA04 é que foi extendido a Estação Gameleira.

    A 0402 depois do Gabriela tambem teve um Caio Amelia prefixo 4811 retirado da 4401B (depois o prefixo foi mudado para C610).

    ResponderExcluir
  3. só corrigindo o prefixo do amelia do 0402 é 4841

    ResponderExcluir
  4. A 0402 nos dias de hoje faz basicamento o mesmo intinerário da era Probus, anulando o atendimento a Cid. Industrial?
    Me recordo vagamento da SA04, mas não consigo me lembrar da 0401.

    Rafael agora fiquei curioso quanto ao seu comentário sobre esse acidente no Anel, você poderia nos relatar algo mais sobre o ocorrido?

    ResponderExcluir
  5. Foi um acidente em Julho de 1987 onde um motorista chapado da Transnazaré que levava um pessoal do bairro Cardoso pra uma igreja em Belo Vale bateu de frente em um onibus de viagem da Transmuniz e um Voyage na BR040 proximo ao Alphaville matando 67 pessoas. Até hoje é o acidente de transito com mais vítimas no país.

    A primiera medida tomada pela Transmetro foi a de proibir a circulação de qualquer onibus urbano no Anel e em rodovias federais a exceção da 1003, 2233, 5504, 1114, 1155 e 1506.

    Como a situação ficou ridícula com onibus que ia pro Centro de Betim tendo que dar volta colossal ou então onibus tendo que fazer viagens de até 80 km numa distancia que não passava de 35 km, regulamentou alguns dias após que nenhum onibus Diamteral poderia passar em Rod. Federal e nem no anel, aí a 4501 ficou descendo a Ivaí e a 0401 passando no anel pois era Circular.

    Este acidente fez com que fosse proibida tambem o fretemaneto de onibus urbanos para viagens fora da RMBH
    Isso que acarretou a desfiliação da Transnazaré que fazia (1122, 1128, 1135) a Transurbe (1109, 1804 e 1152) em 1989.

    Lá no Arquivo do Estado de Minas tem todos os detalhes sobre este incidente nos jornais.

    Uma curiosidade: Todas as ruas lá do Conj. Pongelupe, Solar e Urucuia que tem nome de pessoas são das vítimas deste acidente.

    ResponderExcluir
  6. Rafael, nem lembrava desse acidente cara !

    ResponderExcluir
  7. http://news.google.com/newspapers?nid=0qX8s2k1IRwC&dat=19870727&printsec=frontpage

    Sobre o acidente no Jornal do Brasil do dia 27.07.1987

    Vá até a pag 14 do arquivo.

    ResponderExcluir
  8. Parabens pela postagem, tenho muitas saudades dos Gabrielas, e parabens pela riqueza de detralhes.

    ResponderExcluir
  9. Muito doido o registro!
    Eu nem cheguei a viver essa época. Eu era um recém nascido qdo ocorreu esse acidente! Muito doida tb a foto do 2222 Thamco Scorpion B035 da transimão! Tenho muitas saudades deles na 101 de Contagem!
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  10. amigos eu to ausente esses dias eu estou em viagem mas volto dia 26, obrigado a todos pelos comentarios, farei as alterações assim que puder,

    ResponderExcluir
  11. Rafael Delazari, obrigado por disponibilizar o link, achei estranho foi o fato de se ter tantas vítimas em uma época que a velocidade era bem menor que a de hoje, achei interessante na reportagem foi a forma como eles se referiam as pessoas de terceira idade, pois os chamavam de "velhos", palavra essa banida das nossas palavras atuais.

    Guilherme Cabeleira , realmente essa foto da 2222 é muito louca, nunca imaginei em ver fotos dessa linha, me lembro de quando eu ia na casa de um tio no bairro sevilha na década de 90, sempre ouvia falar dessa linha, se não nme engano o pessoal costuma chamar a linha de "poeirinha" palavra essa totalmente sugestiva.

    Agora fiquei na vontade de ver alguma foto da linha 2228.

    ResponderExcluir